Internacional

Morreram desde o início da guerra na Ucrânia mais de 400 crianças

Terão ainda ficado feridas, pelo menos, 817. 


De acordo com dados da Procuradoria-Geral ucraniana, morreram pelo menos 429 crianças na Ucrânia desde o início da invasão russa, a 24 de fevereiro, tendo outras 817 sofrido ferimentos e precisado de ajuda médica. 

Segundo os dados oficiais publicados pelos procuradores de tribunais de menores na rede social Telegram, as mortes ocorreram na sequência de diferentes ataques tm todo o país mas especialemente nas regiões do leste da Ucrânia, as mais afetadas pelos ataques russos.

Os números não são definitivos, uma vez que os procuradores continuam a trabalhar para estabelecer o número de vítimas infantis em locais onde há combate, nos territórios ocupados temporariamente pelos russos e naqueles que já foram libertados pelo Exército ucraniano.

Devido os bombardamentos e ataques das forças russas, 2.663 instituições de ensino em toda a Ucrânia sofreram danos e cerca de 326 destas foram completamente destruídas. 

Desde 24 de fevereiro, segundo os dados da ONU, morreram pelo menos 6.306 civis e ficaram feridos 9.602. ALém disso, a guerra causou também a fuga de mais de 13 milhões de pessoas - mais de seis milhões de deslocados internos e mais de 7,7 milhões para países europeus.

Os comentários estão desactivados.