Internacional

Rússia endurece lei contra "propaganda LGBT"

Novas alterações impedem "a comunicação social, a internet, a literatura, o cinema", assim como a publicidade, de promover o "sexo não tradicional", sendo que os filmes que o fizerem "não receberão certificado de distribuição".

Rússia endurece lei contra "propaganda LGBT"

O parlamento russo aprovou esta quinta-feira, na generalidade, alterações a uma lei de 2013 que pune a "propaganda LGBT" entre menores, passando agora a proibir a "negação dos valores familiares" e a "promoção de orientações sexuais não tradicionais" também entre adultos.

As novas alterações impedem "a comunicação social, a internet, a literatura, o cinema", assim como a publicidade, de promover "sexo não tradicional", sendo que os filmes que o fizerem "não receberão certificado de distribuição", proibindo ainda "informações suscetíveis de induzir o desejo de mudar de sexo" nas crianças, pode ler-se na informação publicada no site do parlamento da Rússia.

A legislação será ainda alvo de mais duas votações antes da aprovação final para ser submetida à assinatura de Vladimir Putin, Presidente da Rússia.

"Temos de proteger os nossos cidadãos e a Rússia da degradação e extinção, da escuridão espalhada pelos Estados Unidos e pelos Estados europeus", argumentou o presidente da Duma - câmara baixa da Assembleia Federal da Rússia -, Vyacheslav Volodin, em comunicado.

Os russos que violarem a lei podem ser punidos com multas pesadas e os estrangeiros podem ser expulsos do pais.

Os comentários estão desactivados.