Politica

Rio responde a carta de Santana sobre debates

Santana Lopes enviou carta ao adversário com desafio sobre a realização de debates entre os candidatos

Rui Rio, adversário de Santana Lopes na corrida à liderança do PSD, não quis deixar o candidato rival sem resposta à questão que este lhe lançou na segunda-feira, sobre a realização de debates.

“Caro Pedro”, assim começa a carta de Rio para Santana. “Recebi a tua carta e concordo com a forma sensata como nela abordas a questão dos debates privilegiando-os junto dos nossos militantes e sugerindo um entendimento prévio entre as duas candidaturas”, escreve o antigo autarca do Porto.

Rui Rio sublinhou que na sua opinião “a multiplicação de debates seria prejudicial para o esclarecimento dos militantes e, essencialmente, para a dignificação da eleição a que concorremos, por privilegiar mais o espetáculo do que o debate sereno das ideias”.

O antigo autarca mostra-se assim disponível para falar com Santana Lopes “sem recurso a sound bites televisivos ou outros condicionamentos externos”, no sentido de encontrarem uma “solução sensata e moderada que defenda os interesses do PSD e dos seus militantes”.

Recorde-se que na missiva dirigida a Rui Rio, Santana Lopes deixava a questão: “O que de nós for eleito presidente do PPD/PSD terá de debater com António Costa daqui a cerca de um ano. Que moral se terá, nessa altura, para exigir debates se agora não os fizermos?”.