Desporto

Só o Sporting promete ficar pela Europa

Depois dos desaires do FC Porto e do Braga, com o Liverpool e o Marselha, respetivamente, só os leões estão para continuar na Europa.

Dito de forma simples: só o Sporting, entre os clubes portugueses, parece estar efetivamente para ficar nas competições europeias que esta semana regressaram. Posto isto, é hora de ver o filme completo. Comecemos pelo FC Porto, não pelo facto de ter sido o primeiro a entrar em campo, mas pelo patamar em que o clube da Invicta está inserido. Os azuis-e-brancos são ainda os únicos representantes portugueses na Liga dos Campeões. E o ainda não é difícil de entender. Depois da goleada imposta pelos ingleses do Liverpool (5-0) no estádio do Dragão, naquele que foi o maior desaire caseiro de sempre do clube, e de um emblema português, na Europa, os comandados de Sérgio Conceição estão praticamente com os dois pés de fora da liga multimilionária de futebol.

Contudo, e até ao dia 6 de março, data em que será disputada a 2.ª mão dos ‘oitavos’ em Anfield, os dragões continuam em prova. É certo que na passada quarta-feira tudo correu mal aos azuis-e-brancos, tendo sido a pior exibição da época, mas, ainda assim, e mesmo com um FC Porto 100% afinado seria preciso um milagre para tirar Jürgen Klopp e companhia do lugar que já reservaram nos quartos-de-final.

Passou o dia, passou a transmissão para a Liga Europa, competição para a qual os leões foram arredados depois do terceiro lugar obtido na fase de grupos da Champions. No Cazaquistão, o modesto Astana ainda conseguiu surpreender a turma de Jorge Jesus na 1.ª mão dos 16 avos de final. Uma entrada adormecida dos verdes-e-brancos permitiu que a equipa da casa chegasse à vantagem com apenas sete minutos jogados.

Porém, o melhor do Sporting estava reservado para a segunda metade. Uma reentrada de leão levou o Sporting não só à reviravolta como ao 3-1 final, resultado que garante uma vantagem confortável ao clube de Alvalade rumo aos oitavos-de-final. Bruno Fernandes, através da marca do castigo máximo, Gelson e Doumbia foram os autores dos golos leoninos que permitiram que o Sporting ganhasse pela primeira vez fora de casa nas competições europeias depois de estar em desvantagem ao intervalo.

Por último o Braga, clube minhoto que não conseguiu seguir as pisadas do Sporting da capital. O 3-0 imposto aos comandados de Abel Ferreira pelos franceses do Marselha, no Vélodrome, parece ser uma derrota demasiado pesada para contrariar na Pedreira. Os leões e os guerreiros do Minho voltam a entrar em campo esta quinta-feira para disputar a 2.ª da fase que antecede os oitavos. Um lugar que só o Sporting parece capaz de conquistar.