Politica

Deputado do PCP Miguel Tiago abandona o parlamento

A partir de setembro, vai ser substituído pelo economista Duarte Alves

O deputado comunista Miguel Tiago vai abandonar o parlamento no final da presente sessão legislativa, anunciou o PCP através de um comunicado. "Cessando o seu mandato, e a par da actividade profissional que exercerá na sua área de formação (geologia), Miguel Tiago integrará a Comissão das Actividades Económicas (CAE) junto do Comité Central do PCP", pode ler-se no site oficial do Partido Comunista.

Miguel Tiago desempenhou durante 13 anos as suas funções no Grupo Parlamentar do PCP na Assembleia da República, com uma intervenção destacada nas questões económicas e financeiras de que mais recentemente se ocupou, fazendo parte de várias Comissões Parlamentares de Inquérito ligadas ao setor financeiro, como as relacionadas com os casos do BES, Banif e Caixa Geral de Depósitos.

Com 38 anos de idade, Miguel Tiago desempenha também atualmente funções na direção da cidade de Lisboa do PCP e é membro-eleito da Assembleia Municipal da capital.

A partir de setembro, vai ser substituído no parlamento pelo economista Duarte Alves, de 27 anos, que até aqui foi assessor do grupo parlamentar do PCP para as áreas económicas. Foi membro da Direcção Nacional da JCP, dedicando-se maioritariamente às questões relacionadas com o Ensino Superior.