Economia

Graça Fonseca reforça proposta de manter touradas com IVA de 13%

A ministra da Cultura garante que o governo vai insistir em não baixar o valor do IVA nas touradas porque é “proposta que é boa e equilibrada”

Graça Fonseca garantiu esta quinta-feira que o governo vai manter a sua posição de manter o valor do IVA a aplicar às touradas a 13%. A questão surgiu depois do Grupo Parlamentar do PS apresentar uma proposta que reduzir o imposto para 6% nessa atividade cultural.

“O primeiro-ministro já falou. Já disse o que tinha a dizer. A única coisa que digo é o que já disse: a posição do governo é clara. Foi assumida desde o início, quer por mim, quer pelo senhor primeiro-ministro, posteriormente”, disse a ministra da Cultura aos jornalistas referindo-se às declarações de António Costa que se confessou “surpreendido” com a proposta do PS.

A ministra, que participava na cerimónia de entrega do Prémio Europeu Helena Vaz da Silva à historiadora Bettany Hughes, acrescentou ainda que “a proposta do governo está em discussão na Assembleia da República” garantindo que irão manter a “proposta que é boa e equilibrada”.

O governo apresentou uma proposta no Orçamento do Estado em que o IVA aplicado às atividades culturais desde dos atuais 13% para 6%, sendo que as touradas mantêm o imposto nos 13% por uma questão de “civilização”, disse Graça Fonseca.