Politica

"O Zeca serviu de forma discreta, leal, competente e devotada todos os líderes do PSD", diz PR

O assessor histórico do PSD, Zeca Mendonça, morreu esta quinta-feira

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, já reagiu à morte de Zeca Mendonça e, em declarações ao jornal Expresso, disse que o assessor histórico do Partido Social Democrata era “discreto, leal, competente e devotado".

"O Zeca serviu de forma discreta, leal, competente e devotada todos os líderes do PSD. E privou de forma afetuosa com todos os quadrantes partidários, nessa medida servindo a democracia portuguesa", disse o Chefe de Estado, poucos minutos depois de saber da morte de Zeca Mendonça.

Recorde-se que Marcelo Rebelo de Sousa tinha convidado Zeca Mendonça a integrar a sua equipa de assessores.