Sociedade

GNR encerra restaurante com quatro pessoas em Aveiro

O proprietário do estabelecimento foi identificado e foram elaborados quatro autos de contraordenação. Clientes estavam a consumir bebidas alcoólicas.

A Guarda Nacional Republicana (GNR) encerrou, na quarta-feira, um estabelecimento de restauração que estava a funcionar com quatro pessoas no seu interior, na localidade de Azurva, no concelho de Aveiro. O proprietário do estabelecimento foi identificado e foram elaborados quatro autos de contraordenação. 

Em comunicado, a GNR explica que a operação decorreu numa "ação de policiamento tendo em vista o cumprimento das medidas implementadas pelo Estado de Emergência". Os militares "verificaram que o restaurante estava em funcionamento, encontrando-se no seu interior clientes a consumir bebidas alcoólicas".

O proprietário do estabelecimento, um homem de 67 anos, foi identificado e foram eleborados quatro autos de contraordenação: um por violação da suspensão de atividade de prestação de serviços em estabelecimento aberto ao público e três por incumprimento do dever geral de recolhimento domiciliário.