Sociedade

Homem suspeito de tentar violar quatro raparigas em Loulé fica em prisão preventiva

Vítimas têm entre 13 e 25 anos.


Um homem, de 33 anos, suspeito dos “crimes de coação sexual agravado, violação agravada na forma tentada e abuso sexual de crianças”, detido na quarta-feira pela Polícia Judiciária (PJ), em Loulé, vai aguardar julgamento em prisão preventiva.

Segundo a Procuradoria da República da Comarca de Faro, numa nota publicada esta sexta-feira, os crimes ocorreram “entre março e novembro de 2020, na via pública, em Loulé”.

“O suspeito manietou três raparigas; respetivamente, de 13, 16 e 25 anos de idade, apalpou-lhes os seios, a zona genital e as nádegas”, acrescenta.

Em novembro de 2020, “no átrio de um prédio, em Loulé, o suspeito agarrou uma rapariga de 16 anos, projetou-a contra o chão e procurou despi-la a fim de ter relações sexuais”.

No entanto, a vítima ofereceu resistência e o suspeito acabou por fugir.