Sociedade

Detido por abusar sexualmente de sobrinha de 12 anos que lhe fora confiada por decisão judicial

A investigação aponta para que os abusos sexuais tenham começado quando a menina tinha seis anos e tenham perdurado de “forma reiterada” desde então.


Um homem de 56 anos foi detido pela Polícia Judiciária (PJ), através do Departamento de Investigação Criminal de Aveiro, por suspeitas de abuso sexual de menores. Em comunicado, esta quinta-feira divulgado, a autoridade refere que a vítima é uma sobrinha do suspeito, atualmente com 12 anos.

Os abusos terão durado “vários anos”. A investigação aponta para que os abusos sexuais tenham começado quando a menina tinha seis anos e tenham perdurado de “forma reiterada” desde então. O caso foi agora revelado pela criança em contexto escolar.

A PJ revela ainda que “os factos criminosos ocorreram numa das freguesias do concelho de Anadia, aproveitando o suspeito os momentos em que se encontrava sozinho com a menina, para a sujeitar a práticas sexuais de diversa índole”.

O detido, operador cerâmico, foi presente a tribunal para interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.