Politica

Gouveia e Melo toma posse do cargo de Chefe de Estado-Maior da Armada na próxima segunda-feira

Marcelo Rebelo de Sousa explica que, "depois de receber o Senhor Almirante CEMA, e tendo em consideração (...) um novo ciclo político e funcional", entendeu que chegou o tempo de "proceder à referida exoneração". 


Depois de receber a proposta da Governo, o Presidente da República anuncia que o vice-almirante Henrique Gouveia e Melo será nomeado para o cargo de Chefe de Estado-Maior da Armada e tomará posse na próxima segunda-feira, às 15h.

"O Presidente da República recebeu, do Governo, as propostas de exoneração do Senhor Almirante António Maria Mendes Calado do cargo de Chefe do Estado-Maior da Armada e de nomeação do Senhor Vice-Almirante Henrique Eduardo Passaláqua de Gouveia e Melo para o mesmo cargo", indica a nota publicada no site oficial da Presidência da República. 

Marcelo Rebelo de Sousa explica que, "depois de receber o Senhor Almirante CEMA, e tendo em consideração (...) um novo ciclo político e funcional", entendeu que chegou o tempo de "proceder à referida exoneração". 

"Assim se antecipa de alguns meses o termo do segundo mandato, a ocorrer de acordo com disponibilidade manifestada pelo Senhor Almirante CEMA", aponta o Presidente da República, agradecendo pelo "muito qualificado desempenho do Senhor Almirante Chefe do Estado-Maior da Armada, aliás, no quadro de uma carreira brilhante" e condecorando-o com a Grã-Cruz da Ordem de Cristo.

A tomada de posse do próximo CEMA está marcada para segunda-feira, dia 26, às 15h, e irá decorrer "de acordo com as regras adotadas pela Presidência da República nas posses conferidas em pandemia".

Os comentários estão desactivados.