Economia

TAP: Sindicatos querem reunião com administração

Estruturas sindicais garantem que os colaboradores «não estão em saldo» e que estão a «financiar a companhia».


As estruturas sindicais garantem que os colaboradores «não estão em saldo» e que estão a «financiar a companhia», lembrando que no Plano de Reestruturação todos viram «os seus salários drasticamente reduzidos».

Os principais sindicatos representativos dos trabalhadores da TAP pediram uma reunião presencial com a administração da empresa, para decorrer até dia 3 de junho, e marcar nova reunião para dia 6 para «deliberar novas medidas». 

As estruturas sindicais garantem que os colaboradores «não estão em saldo» e que estão a «financiar a companhia», lembrando que no Plano de Reestruturação todos viram «os seus salários drasticamente reduzidos».

Entre os nove sindicatos que assinam o documento estão o Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Aviação Civil (SINTAC), Sindicato dos Trabalhadores da Aviação e Aeroportos (SITAVA), Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) e Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC).

 

Os comentários estão desactivados.