Politica

Mulher de ex-secretário de Estado de Sócrates substitui mulher de Medina na TAP

Stéphanie Silva deixou o cargo quando Medina tomou posse como ministro das Finanças.


Manuela Vasconcelos Simões, mulher do ex-secretário de Estado João Tiago Silveira no governo de José Sócrates, é a nova diretora jurídica da TAP, cargo ocupado até março do ano passado por Stéphanie Silva, mulher do atual ministro das Finanças, Fernando Medina.

Recorde-se que Stéphanie Silva anunciou, em março, através do Linkedin, que cessava funções como diretora jurídica da companhia aérea portuguesa, no dia em que o marido tomou posse como ministro das Finanças.

Até ser contratada pela companhia aérea, para o cargo que ocupa há um mês como indicado pelo seu perfil no Linkedin, Manuela Vasconcelos Simões foi Head of Legal & Compliance da Seguradora Tranquilidade, depois de ter ocupado cargo semelhante no Deustche Bank.

Sublinhe-se que o departamento jurídico da TAP, agora dirigido por Manuela Vasconcelos Simões, tem estado envolvido em várias polémicas, primeiro com os despedimentos previstos no plano de reestruturação da companhia aérea e, agora, com a indemnização de 500 mil euros paga a Alexandra Reis, cuja notícia acabou por levar ao seu afastamento do Governo, pouco depois de ter tomado posse como secretária de Estado do Tesouro.

O ministro Fernando Medina disse desconhecer a indemnização, justificando que a mulher, diretora jurídica à data da saída de Alexandra Reis da TAP, encontrava-se na altura de licença de maternidade.

Os comentários estão desactivados.