Politica

Nomeação de Durão Barroso aplaudida por Marcelo e Costa

Ex-primeiro-ministro foi nomeado para presidente da Aliança Global para as Vacinas

Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa felicitaram o ex-primeiro-ministro Durão Barroso pela sua nomeação para presidente da Aliança Global para as Vacinas (GAVI), uma organização que assume grande importância devido à pandemia provocada pela covid-19.

O Presidente da República realçou a eleição de “mais um português num cargo internacional particularmente relevante no atual contexto de pandemia coronavírus”.

O primeiro-ministro também destacou que a nomeação surge “num momento em que esta organização, que Portugal apoia, deverá ter um papel relevante na disponibilização de vacinas contra a Covid-19 de forma equitativa e a preços acessíveis”.

A nomeação do ex-primeiro-ministro português e ex-presidente da Comissão Europeia foi aprovada de forma unânime pelo Conselho de Administração da GAVI, numa reunião realizada em Genebra. Durão Barroso iniciará funções como presidente do Conselho de Administração da GAVI em Janeiro de 2021, substituindo a economista e antiga ministra das Finanças da Nigéria Ngozi Okonjo-Iweala, cujo mandato termina em Dezembro deste ano.

Durão Barroso afirmou que o mundo “precisa agora mais do que nunca da GAVI, tanto para assegurar que as vacinas da covid-19 cheguem a todos os países, ricos e pobres, como para prosseguir com a sua missão principal de proteger centenas de milhões de pessoas contra doenças evitáveis”. A luta contra a Covid-19 é “uma das funções atuais” da GAVI, mas esta instituição tem como missão tradicional distribuir vacinas contra doenças como a cólera, meningite ou febre amarela, entre outras, disse à Lusa o ex-primeiro-ministro.