Politica

PCP pede audição da ERC sobre entrevista a Mário Machado

O parlamento "não deve permanecer indiferente perante atentados aos valores democráticos e humanistas", pode ler-se no requerimento dos comunistas

O PCP pediu a audição urgente, no parlamento, da Entidade Reguladora da Comunicação Social (ERC) sobre o caso da entrevista à TVI de Mário Machado, líder de um movimento de extrema-direita.

A Assembleia da República, "enquanto órgão de soberania representativo da democracia portuguesa, não deve permanecer indiferente perante atentados aos valores democráticos e humanistas", pode ler-se no requerimento assinado pela deputada Diana Ferreira.

Os comunistas querem que seja analisado com a ERC, na comissão parlamentar de Educação, Cultura, Comunicação, Juventude e Desporto, "a questão da apologia do fascismo, do racismo, e de práticas criminosas que lhe estão associadas" e qual a "resposta a dar pelas instituições democráticas ao fenómeno".

Recorde-se que Mário Machado foi convidado no âmbito da rubrica "Dica de sua (In)Justiça", do programa da TVI Você na TV de quinta-feira, que tinha como tema "Precisamos de um Novo Salazar?".